Search here:
SISTEMA-RESPIRATÓRIO-TUDO-O-QUE-VOCE-PRECISA-SABER

O corpo humano é tão complexo quanto incrivelmente perfeito. E assim como que em uma máquina muito bem calibrada, o sistema respiratório é uma das engrenagens responsáveis por nos dar o potencial da vida.

Mas será que você é capaz de responder como é formado o sistema respiratório e como ele funciona?

Primeiramente, o que é o sistema respiratório?

O sistema respiratório é um conjunto de órgãos que se subdividem basicamente em duas porções importantes:

  • as vias aéreas superiores, compostas pelo nariz, cavidade nasal, seios paranasais, faringe e cordas vocais;
  • as vias aéreas inferiores, compostas pela laringe, traqueia, árvore brônquica e alvéolos;

No entanto, essas duas porções trabalham de forma conjunta permitindo a troca gasosa através da hematose (transformação do sangue venoso em arterial, por meio de oxigenação nos pulmões), que é a principal função desse sistema. Esse processo ocorre através do movimento respiratório, por meio da inspiração e da expiração que promovem, respectivamente, a entrada de oxigênio e a saída do gás carbônico do organismo.

Da mesma forma, os pulmões também são órgãos do sistema respiratório, revestindo parte das estruturas das vias inferiores e atuando como receptáculo dessa troca de gases. Ainda, são responsáveis por distribuir oxigênio para corrente sanguínea e demais células do corpo.

Mas por que essa troca gasosa é tão importante?

Nós precisamos do oxigênio para seja possível haver o processamento dos energéticos consumidos, fazendo com que todos os outros sistemas do nosso organismo atuem perfeitamente.
Outro fator é que o acúmulo do gás carbônico, que é formado pelo nosso próprio organismo, é prejudicial e precisa ser eliminado pelo sistema respiratório.

Vilões silenciosos que prejudicam o sistema respiratório

Como já citado anteriormente aqui no blog, uma rotina saudável é essencial para manter o seu sistema respiratório saudável. Todavia, muito mais que a prática de atividades físicas e uma alimentação saudável, alguns cuidados básicos garantem essa tranquilidade. Mas que cuidados seriam esses?

Evite cigarro e derivados do tabaco

Parece óbvio, mas há muita gente que não trata este assunto com o devido cuidado. O consumo de tabaco e seus derivados é o principal fator de risco para o Câncer de Pulmão. Isto acontece em decorrência das inúmeras substâncias cancerígenas presentes na fumaça. Além do pulmão, a boca, o esôfago, a laringe, a faringe e até a cabeça podem ser acometidos pela doença. Parar de fumar é uma decisão importante e reduz muito as chances de contrair essas enfermidades.

Cuidado com umidificadores

Há hoje equipamentos a nossa disposição que prometem facilitar nossas vidas, como por exemplo os umidificadores. Entretanto, você sabia que esses utensílios podem representar um grande problema para a sua saúde? Isso porque esses equipamentos são por vezes utilizados da maneira errada. Assim sendo, com o intuito de vencer o “ar seco” muitas pessoas usam os umidificadores de forma contínua. Por consequência, o ambiente fechado e muito úmido se torna a casa perfeita para a proliferação de ácaros, causando alergias e micoses.

Esteja atento ao ar condicionado

Também os ares-condicionados são outro exemplo de equipamentos que podem ser prejudiciais se não utilizados corretamente. De forma contrária aos umidificadores, o ar-condicionado promove um ambiente mais seco, porém igualmente prejudicial à saúde.

Mas é inegável que esses são itens necessários nos dias de hoje e que podem sim ajudar a vencer nosso clima. No entanto, precisamos tomar alguns cuidados como por exemplo limpar e trocar os filtros dos aparelhos frequentemente. Uma outra recomendação é deixar o ambiente “respirar” sempre que possível, permitindo uma “troca do ar” com o meio.

Limpeza e cuidado com os ambientes da casa

Outra dica importante é observar se há pessoas doentes no recinto. Caso positivo, limpe os filtros dos equipamentos e abra portas e janelas para que os patógenos não infectem outras pessoas.

Em conclusão, tome cuidados básicos para que esses equipamentos não se tornem ameaças a sua saúde, ok? Simples assim.

Conheça as atividades físicas que trazem benefícios para o sistema respiratório

Como resultado dessa breve explicação é incontestável a importância de manter uma atividade física para um sistema respiratório saudável. Assim sendo, há algumas opções de exercícios que podem ajudar você a manter uma saúde de ferro. Confira a seguir.

Natação

Considerado um dos exercícios físicos mais completos, a prática da natação é uma grande aliada tanto para a prevenção quanto para o tratamento de doenças respiratórias. Isso porque a atividade exige muito o uso da musculatura específica, o que fortalece o condicionamento cardiorrespiratório como um todo. Ademais, o exercício também promove inúmeros outros benefícios à saúde.

Ciclismo

Você já percebeu que para pedalar é necessário um movimento quase que mecânico das pernas? Pois é durante essa ação que o corpo exige do sistema respiratório também um controle maior. Logo, a expiração e inspiração se tornam igualmente mais regulares, o que fortalece a musculatura de todo o sistema.

Corrida e Caminhada

É inegável que correr requer muito da nossa capacidade respiratória, não é mesmo? Assim, durante a corrida o corpo necessita de ainda mais oxigênio para suprir as outras funções orgânicas. Como resultado, as vias respiratórias são forçadas a trabalharem de maneira mais intensa, expandindo e fortalecendo o trato respiratório. E embora a caminha exija menos do organismo, a sua prática também traz, proporcionalmente, os mesmos benefícios.

Dança

E se você é do tipo “pé de valsa”, então aproveite para usar essa habilidade para também melhorar a sua saúde. A dança, como bom exercício aeróbico que é, também possui a capacidade de melhorar o condicionamento do sistema respiratório. Da mesma forma, seus benefícios são equiparados aos da caminhada, com a diferença que dependendo do esforço exigido, pode ser ainda mais eficaz.

Cuide do seu maior e mais precioso bem: a sua saúde

Finalmente, busque sempre hábitos saudáveis e que colaborem para uma vida mais tranquila e sadia. Mantenha seus exames em dia, faça check-up regulares e procure um médico especialista sempre que necessário. E se você já sofre com problemas no sistema respiratório não deixe de fazer também um acompanhamento com um cirurgião torácico.